jun 292017
 
Author Rating / Nota do Autor:

Filmes com orçamento apertado tem que se virar e fazer valer o pouco investido. Ser criativo deixa de ser qualidade para ser obrigação e falta de dinheiro não implica num roteiro falho. Desvantagens contabilizadas e temos o que sobra para atrair seu público. Pois justamente o orçamento baixo em “Ao Cair da Noite” faz com que os profissionais se sobressaiam e façam mais um exemplar do novo cinema de terror.

A sinopse nos entrega Paul (Joel Edgerton), que habita uma estranha casa juntamente com sua esposa e filho. A casa é sua segurança até a chegada de estranhos que acabam por mudar a rotina da família. Mas em meio a um holocausto, conviver em comunidade não é uma tarefa nada fácil principalmente quando a sua vida e dos seus é colocada em iminente risco.

A paranoia de todos os personagens é o que faz o filme andar, juntamente com uma edição de som cautelosa e diferentes posicionamento de câmeras, cada um dos habitantes da casa reage de maneira diferente a cada situação envolvida. O emocional é colocado a prova a todo momento. Intrigas e desconfiança permeiam os cenários a todo momento. O andar de “Ao Cair…” lembra em muito o belo e polêmico “A Bruxa” – fruto desta nova safra de horror.

Não é um filme para todos os públicos. Explico: em pouco mais de uma hora e meia o ritmo é extremamente lento e a grande maioria das cenas são escuras e por hora sufocantes. Quem espera tomar sustos e jogos de “cabra-cega” pode se decepcionar profundamente. A noite em si acaba também tendo seu papel fundamental, pois é ali onde as grandes tensões acabam por acontecer. Nem tudo é explicado, muito pelo contrário, sendo aqueles dramas psicológicos onde nem toda platéia está preparada para pensar o tempo inteiro e tirar suas próprias conclusões.

Não é um filme fácil de ser assistido, deve ser visto somente nos cinemas onde somente ali existe a chance de se manter o silêncio, a escuridão e um clima ideal para curtir este exemplar de forma a aproveita-lo e ter então a experiência por completo.

 Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

(required)

(required)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.