nov 212013
 
Author Rating / Nota do Autor:

captain-phillips-international-poster

Toda história verídica sempre rendeu bons frutos ao cinemas, e com “Capitão Phillips” não é diferente. Além de um roteiro sucinto e suficiente, a presença de um excelente ator fez toda a diferença para apresentar ao público uma realidade não muito além de nossos conhecimentos. Richard Phillips faz um comandante sério e absorto em comandar tanto sua família, quanto sua tripulação de maneira a que nada escape a seu controle. Tudo vai bem até perceberem do alto de seu navio cargueiro, que estão sendo perseguidos por botes de piratas, vindos da Somália e dispostos a qualquer coisa por moedas e mercadorias de valor. O que já era esperado desde a sinopse, torna-se tenso e apavorante quando Philips já encurralado pelos sequestradores, é colocado como refém na troca pela missão falha. A aflição dos espectadores por um final (seja ele qualquer) se torna iminente quando nota-se o silêncio total na sala e quando nem o estralar das pipocas na boca se escuta mais. A interpretação do protagonista é tão verossímil que Tom Hanks  parece já ter passado por esta mesma situação em algum momento de sua vida: a respiração ofegante, os olhares de ojeriza e toda sequência de emoções geradas, faz com que o comandante do cargueiro Maersk Alabama tenha mais uma provável indicação a estatueta de ouro. Mas não paramos por aí: todo contexto político social da Somália, as mazelas da segurança dos embarcados, as atitudes internacionais frente a um incidente internacional… Um excelente filme!

Link para o IMDb

Sorry, the comment form is closed at this time.