nov 072013
 
Author Rating / Nota do Autor:

the-counselor-poster

Um excelente diretor e um grande elenco não garantem um bom filme. A prova definitiva está em “O Conselheiro do Crime” de Ridley Scott. Uma trama que pouco se compreende busca mostrar a rotina e o caminho que a droga faz nos bastidores do tráfico, antes de chegar ao seu destino final. O advogado (Michael Fassbender) perambula entre os líderes interpretados por Javier Bardem e Brad Pitt na tentação e com a ganância de participar das altas rodas proporcionadas por eles. E entre os extremos do jogo dos homens, destacam-se Cameron Diaz e Penelope Cruz que aparentemente estão a margem de todos os esquemas e vivem para aproveitar as situações oferecidas por eles no luxo e ostentação, desde diamantes exóticos, passando por carros caríssimos até um “safari” entre leopardos e coelhos (em uma das várias tentativas frustradas de metáfora de Cormac McCarthy – de “Onde Os Fracos Não Tem Vez”). Fato é que, nenhuma das informações fica totalmente clara, e os diálogos cheios de frases de efeitos tentam persuadir o espectador de que o roteiro é inteligível. Certo é, que o diretor tenta mostrar grandiosidade em tudo e no entanto não consegue nada! A obra apenas não é chata para quem tem um pouco de percepção cinematográfica e tenta entender cada parte de um todo: roteiro, planos, atuações, fotografia, etc. Mas cinema é o conjunto de todas elas. Portanto procure assistir os clássicos de Ridley Scott, (Blade Runner, Alien, Gladiador, Thelma e Louise, etc…) e esqueça esta tentativa de algo grandioso do que um dia foi a mão do diretor.

Link para o IMDb

Sorry, the comment form is closed at this time.