set 112013
 

127

Muita expectativa para pouco que se apresenta… essa foi a minha impressão ao final do filme. Uma atuação boa de James Franco, mas em um papel que qualquer outro ator desta safra nova faria. Talvez o grande alarde por ser de direção do Danny Boyle, que ganhou o premio em 2009 por “Slumdog Millionaire”. Realmente “127 Horas” lembra o filmaço indiano no início, com os cortes e a trilha sonora… porém é só. Nem a tão falada cena do braço sendo decepado é tão terrível quanto cotada. A validade toda é o fato de o filme ser completamente biográfico, e em saber que o contado é exatamente o ocorrido com Aron Ralston em 2003. Definitivamente Franco deveria voltar a fazer o inimigo do “cara de teia”, onde certamente será mais notório…

Link para o IMDb

Sorry, the comment form is closed at this time.